Calculadora de Stop Loss

Veja como calcular o seu stop loss para fazer o seu controle de risco, limitando perdas e protegendo os seus ganhos. Leia o artigo abaixo da calculadora para aprender a usar.

O que é Stop loss?

É uma ordem de venda que você pode programar na sua corretora que será acionada automaticamente se o preço do ativo (ação, ETF, fundo imobiliário etc.) cair até um determinado preço. Seu objetivo é proteger o seu dinheiro e os seus lucros onde você irá limitar suas perdas tendo como base a matemática que dificulta a recuperação dessas perdas. Temos um artigo detalhado com exemplos práticos e gráficos que mostram o que é o Stop Loss.

Como calcular o Stop Loss?

A calculadora ajuda você e decidir até que ponto compensa aceitar uma determinada queda no preço de um ativo considerando o ganho elevado e desproporcional que será necessário para recuperar essa perda se nada for feito.

Exemplo: vamos imaginar que você pretende investir R$ 5000,00 comprando uma determinada ação, como mostra o exemplo acima. Veja na coluna “Stop loss” que se ocorrer uma perda de -1%, você perderá R$ 50 como pode ver na coluna “Perda (R$)”.  Isso ocorrerá se você vender as ações por R$ 4950,00 como mostra a coluna “Preço de venda”.  Mas se você resolver ficar com esse ativo depois dessa pequena queda de -1%, o “ganho necessário para recuperar a perda” será de apenas 1,01%. Pois caso ocorra a alta de 1,01% sobre os R$ 4950,00 você terá os seus R$ 50 de volta.

Agora veja que se a perda foi de 10% você vai precisar de um ganho de 11,11% para recuperar a perda. Se a perda for de 50% você vai precisar de uma alta de 100% no ativo. Se a perda for de 90% você vai precisar de uma alta de 900% e assim por diante.

O objetivo da ferramenta é permitir que você visualize até quanto em dinheiro aceita perder, qual percentual isso representa e quanto você precisa ter de alta no ativo para recuperar o perdido.

Você provavelmente perceberá que um stop loss de até -10% são mais fáceis e rápidos de recuperar através de uma alta próxima da perda registrada. Já perdas maiores que -20% começam a depender de altas muito expressivas, mais difíceis e demoradas de ocorrer.

Veja o gráfico que mostra os ganhos necessários para recuperar perdas.

Veja um simulador para calcular a alta necessária para recuperar uma queda nos preços de um ativo qualquer.

Leitores inscritos no Clube dos Poupadores recebem um aviso quando conteúdos como este são lançados ou atualizados. Inscreva-se gratuitamente e receba nossas atualizações. Preencha o formulário abaixo e depois confirme sua inscrição através do e-mail que enviaremos para você.

Inscreva-se para receber nossos artigos por e-mail gratuitamente.