O que você faria se o seu banco liberasse R$ 14,7 bilhões de reais para você gastar a vontade. O único problema seria a cobrança de juros. Foi o que aconteceu com alguns clientes da Caixa Econômica Federal como você pode ver na foto da reportagem abaixo (fonte).

Você pode gastar o limite do seu cheque especial da forma que desejar sem apresentar qualquer satisfação para o banco ou garantias. É um tipo de crédito pré-aprovado que a Caixa gosta de chamar de “Saldo Limite Flutuante Caucionado” como podemos ver na foto. Sem garantias e sem prestar satisfações este tipo de crédito é o mais caro que existe junto com o rotativo do cartão de crédito. Já os juros de um financiamento imobiliário são menores por que o imóvel fica alienado (Alienação Fiduciária) e caso a dívida não seja paga o mesmo serve como pagamento.

No site do Banco Central podemos ver a lista dos bancos e suas taxas de juros no cheque especial (veja aqui). Quando este artigo estava sendo escrito a taxa cobrada pela Caixa era de 4,14% ao mês ou 62,79% ao ano. É claro que isto não vale para todos os clientes. Dependendo do perfil do cliente esta taxa pode variar para mais ou para menos.

Curiosidade: Se os clientes que sofreram com o erro do banco resolvessem gastar os R$ 14,7 bilhões seriam obrigados a pagar R$ 19.8 milhões de juros por dia. Atualmente o Prêmio da Mega Sena acumulada é de R$ 17,5 milhões. Em apenas um mês a dívida aumentaria R$ 608,5 milhões. No final de 12 meses o cliente estaria devendo quase R$ 24 bilhões para o Banco. Esta dívida estaria muito próxima da fortuna do terceiro homem mais rico do Brasil Antonio Ermirio de Moraes (R$ 25,68 bilhões) do Grupo Votorantim. O quarto homem mais rico do Brasil em diante não conseguira pagar a dívida mesmo que vendesse todo patrimônio.

Transforme uma dívida de R$ 1 mil em R$ 1 milhão

Você não precisa de um limite tão elevado no seu cheque especial para construir uma dívida milionária. Você só precisa de um limite de R$ 1.000,00. Use o dinheiro da forma que desejar e deixe para pagar 15 anos depois. Você terá uma saldo devedor de R$ 1.483.075,30 (R$ 1,4 milhões) se a taxa de juros mensal for de 4,14%. Clique na figura abaixo e faça suas próprias simulações.

Lembre-se que você vive no país com maior taxa e de juros reais do mundo. Para quem prefere poupar e investir para consumir pagando menos no futuro estamos no paraíso. Para quem gosta de antecipar o consumo pagando mais estamos no pior dos mundos.

Se você quiser aprender mais sobre investimentos e educação financeira acompanhe os artigos que escrevo semanalmente aqui no Clube dos Poupadores. Eu aviso todos os leitores inscritos quando existem novidades. Para se tornar um leitor inscrito gratuitamente basta preencher o formulário e depois confirmar sua inscrição através do e-mail que enviarei para você.

Informe o seu e-mail:

Aprenda a investir:

Livros que escrevi para ajudar você a melhorar os seus resultados financeiros:

Clique para conhecer o livro Independência Financeira
Clique para conhecer o livro Como Investir em CDB, LCI e LCA
Clique para conhecer o livro Como Investir em Títulos Públicos
Clique para conhecer o livro Como Investir na Bolsa por Análise Fundamentalista
Clique para conhecer o livro sobre Como Investir na Bolsa por Análise Técnica
Clique para conhecer o livro Como Investir em ETF
Clique para conhecer o Livro Como Investir no Exterior