Vou mostrar neste artigo os motivos que levam muitos investidores do mundo a investir em francos suíços ou em ativos relacionados a moeda da Suíça.

Nos últimos anos o franco suíço vem se tornando uma moeda importante para investidores que buscam uma reserva de valor. A crise da dívida europeia fez com que os investidores buscassem um porto seguro no franco suíço.

A Suíça é classificada como um dos 10 países mais rico do mundo (fonte) ao mesmo tempo em que é um dos países menos corruptos do mundo (fonte). A Suíça está entre os países com maior liberdade econômica (fonte).

Cerca de 74% do PIB suíço é gerado pelo setor de serviços e somente 25% pela indústria. A contribuição do setor agrícola é muito pequena sendo inferior a 1%. Os serviços (bancos, seguros e turismo) têm uma posição importante no comércio internacional suíço. Essa área é responsável por 29% de todas as exportações.

O franco é amplamente visto como um refúgio devido à estabilidade do governo suíço e do seu sistema financeiro. Existe uma preocupação do Banco Nacional Suíço com relação a valorização excessiva de sua moeda, já que torna os produtos exportados pela Suíça mais caros e menos atrativos.

Em todo o mundo, os investidores buscam melhores retornos e segurança. Para isso eles preferem ativos que tenham equilíbrio entre proteção contra inflação, segurança contra riscos e um bom potencial de retorno. O ouro e o dólar americano têm sido ativos tradicionais, mas o franco suíço também cresceu como uma opção de investimento porque se qualifica nos três quesitos.

Alguns fatores motivaram a demanda por francos suíços nos últimos anos.

  • Investidores russos demandam cada vez mais moedas fortes que não sejam o dólar e o euro. O enfraquecimento do rublo russo levou investidores russos a procurar moedas seguras, e muitos escolheram o franco suíço como um porto seguro.
  • A crise da dívida europeia entre 2009 a 2013 também elevou a demanda por francos suíços pelos europeus.
  • A crise financeira global de 2008, que se originou nos Estados Unidos, também produziu transferência de recursos de investidores americanos para moedas e ativos suíços.

O franco suíço é uma moeda estável?

A Suíça tem um ambiente político estável e uma economia forte em um país pequeno com uma população pequena. Seu crescimento econômico é contínuo e estável. O país não possui déficit, ou seja, as receitas da Suíça excedem suas despesas e isso permite ter uma moeda estável. Sua economia não exige projetos de grandes gastos ou investimentos. A inflação histórica na Suíça indica relativa estabilidade e isso atrai aquele investidor que busca moedas estáveis.

O gráfico mostra que a inflação na Suíça sempre esteve muito próxima de zero ou com registro de deflação (fonte).

A dívida pública da Suíça é baixa e decrescente em relação a outros países desenvolvidos (fonte).

Outros fatores importantes é o PIB forte da Suíça, sem déficit orçamentário, baixo desemprego, contribuição econômica significativa do setor de serviços financeiros, alta renda per capita e destino de recursos financeiros de fundos de diversos países.

Zurique e Genebra são consideradas cidades globais. Basileia é a capital da indústria farmacêutica na Suíça e onde fica o Banco de Compensações Internacionais, uma instituição considerada “o banco dos bancos” por ser uma organização internacional responsável pela supervisão bancária que promove a cooperação entre os bancos centrais (55 bancos centrais) na busca de estabilidade monetária e financeira. Para mais informações sobre a economia suíça visite aqui. Para acessar todos os indicadores econômicos da Suíça visite aqui.

Como investir na moeda:

A forma mais fácil e rápida para se investir em francos suíços é através de ETFs como o ETF FXF. Ele é o único especializado no investimento em francos suíços físicos, ou seja, o gestor do ETF mantém francos suíços em uma conta de depósito no JPMorgan, maior banco dos EUA e um dos maiores do mundo. Para saber mais sobre como investir em ETFs de francos suíços visite aqui.

Este artigo tem finalidade educativa e não se trata de uma recomendação de investimento. Moedas são investimentos de renda variável, ou seja, são investimentos com riscos de perda e probabilidades de ganhos.

Como Investir em empresas suíças:

Uma forma indireta de investir em francos suíços é investir em ativos suíços como ações de empresas suíças. Existem diversas empresas suíças com ações listadas na bolsa de Nova Iorque e que podemos investir como brasileiros através de uma conta aberta em uma corretora nos EUA.

Ação Empresa Setor  Indústria
ABB ABB Ltd Indústria Máquinas Industriais
ADCT ADC Therapeutics Saúde Biotecnologia
ALC Alcon Inc. Saúde Instrumentos Médicos
AMCR Amcor plc Consumo Cíclico Embalagem e Contêineres
CB Chubb Limited Financeira Seguros
CS Credit Suisse Group Financeira Bancos – Diversificado
GB Global Blue Group Tecnologia Tecnologia da Informação
NVS Novartis Saúde Medicamentos
RIG Transocean Energia Perfuração de petróleo e gás
STM STMicroelectronics N.V. Tecnologia Semicondutores
TEL TE Connectivity Tecnologia Componentes Eletrônicos
UBS UBS Group Financeira Bancos – Diversificado

 

Para aprender a investir em ETFs, ações e outros ativos de diversos países do mundo de uma forma simples e didática leia o livro Como Investir no Exterior.

Leitura recomendada: livro Como Investir no Exterior. Conheça todos os nossos livros sobre investimentos visitando aqui.

Inscreva-se para receber nossos artigos por e-mail gratuitamente.