Aprenda de forma fácil e rápida como funciona o cálculo das prestações de financiamentos da casa própria utilizados por bancos como Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. Grande parte dos financiamentos imobiliários utilizam o “sistema de amortização constante“, também conhecido como “Tabela SAC“. Muitos consideram uma forma vantajosa de pagar um financiamento já que o valor das parcelas diminui com o passar do tempo. Sabendo a taxa de juros cobrada pelo banco, o valor da dívida e o número de prestações é possível conhecer o valor de todas as prestações.

Como calcular as prestações de forma fácil

A prestação de qualquer financiamento é composta basicamente por dois valores: juros e amortização. É a amortização que realmente está fazendo sua dívida ser paga mensalmente. Os juros são apenas a remuneração de quem lhe emprestou o dinheiro. No sistema SAC o valor da amortização é sempre constante. E como você reduz sua dívida todos os meses o custo que você terá com pagamento de juros também vai diminuir. É por isto a sua prestação pela tabela SAC é menor a cada mês.

Calculando a Amortização = Para encontrar o valor fixo da amortização basta dividir a dívida pelo número de parcelas. Para encontrar o valor da amortização de uma dívida de 300.000 que será paga em 360 prestações basta dividir 300.000 / 360. O valor da amortização será de R$ 833,33.

Calculando os Juros = Para achar os juros é muito fácil. Você só precisa multiplicar o valor da dívida atual (saldo devedor) pelos juros. No nosso exemplo a dívida é de 300.000 na primeira prestação. Se a taxa de juros for de 1% ao mês então o valor dos juros será de 300.000 x 1% que equivale a R$ 3000,00.

Valor da Parcela = Sabendo o valor da amortização e o valor da parcela você saberá o valor da prestação. No nosso exemplo é R$ 833,33 de amortização + R$ 3000,00 de juros. Com isto nossa parcela será de R$ 3833,33.

Quando será a parcela do mês seguinte? No mês seguinte o valor da amortização será os mesmos R$ 833,33 já que na tabela SAC a amortização é constante. Já o calculo dos juros será feito sobre o valor atualizado a dívida. Se no mês anterior você amortizou R$ 833,33 da dívida então ela estará R$ 833,33 menor no mês seguinte. Então a dívida atualizada será o resultado de 300.000,00 – 833,33 que equivale a R$ 299.166,67. A para encontrar os juros do mês seguinte bastaria fazer 299.166,67 x 1% e encontraremos R$ 2.991,67. A prestação do mês seguinte será a amortização de 833,33 + 2.991,67 dos juros. Isto equivale a R$ 3.825,00.  Como podemos ver a primeira prestação foi de R$ 3833,33 e a segunda prestação de R$ 3.825,00 que significa uma redução de R$ 8,33. Podemos observar que as prestações vão cair lentamente durante as 360 prestações até atingir o valor de R$ 841,67.

grafico-amortizacao-sac

Observe que a prestação (linha verde) e a taxa de juros (linha vermelha) estão caindo lentamente entre a prestação 1 e 360. O valor da amortização (linha azul) é constante durante todo pagamento da dívida.

Custos adicionais do financiamento imobiliário

Além dos juros e da amortização, a prestação de qualquer financiamento de imóveis também possui outros custos embutidos como o valor mensal do seguro de “Morte e Invalidez Permanente”, seguro de “Danos Físicos do Imóvel” e tarifa de administração. Estes custos devem ser somados ao valor da prestação. Existe ainda um custo inicial chamado “Tarifa de Avaliação de Bens Recebidos em Garantia” que é pago uma única vez no financiamento do imóvel.  A dívida também é corrigida com base na TR.

Vantagem e desvantagem do SAC

A vantagem do SAC para financiamento de longo prazo está no efeito psicológico que gera no endividado. Ele se sente mais satisfeito observando que sua dívida está caindo mês a mês. Uma desvantagem é que as primeiras prestações são muito altas se comparado a outros sistemas de amortização como a Tabela Price.

Os bancos só oferecem financiamentos onde o valor da primeira parcela não ultrapasse 30% da sua renda familiar. Como o valor das primeiras prestações na tabela SAC é mais elevado pode ser que você tenha que dar uma entrada maior para o banco ou aumente o prazo. Nos dois casos isto é usado para reduzir o valor das prestações até que ela não comprometa mais de 30% dos seus rendimentos.

É por isto que muita gente acaba comprando imóveis utilizando o sistema de amortização PRICE. Como o valor da primeira parcela é menor a pessoa consegue financiar valores maiores sem comprometer mais de 30% da renda. Mas precisamos ficar atentos para o fato de que o valor maior da prestação significa uma maior amortização da dívida.  Leia nosso artigo sobre Tabela Price e observe as primeiras prestações da tabela Price possuem mais juros do que amortização e isto não é bom.

Comparação tabela SAC x Tabela PRICE

A tabela SAC é mais indicada para quem deseja diminuir o peso das parcelas na renda ao decorrer do financiamento. É o caso de pessoas mais velhas que acreditam que terão uma queda na renda nas próximas décadas.  Também é uma boa opção para financiamentos de longo prazo já que as primeira parcelas amortizam mais a dívida se comparado a tabela Price.

A melhor forma de comprar um imóvel é autofinanciamento. Você mesmo pode acumular recursos ao longo de alguns anos para comprar seu imóvel à vista sem precisar transferir décadas de riqueza futura para os bancos. Leia o artigo sobre comprar imóvel financiado ou poupar para comprar à vista?

Planilha de simulação – Tabela SAC

Baixe agora mesmo uma planilha Excel completa que você pode utilizar para fazer simulações de financiamento. Essa é apenas uma de muitas outras planilhas que acompanham meus livros comprar imóveis e investir em imóveis. A tabela SAC é uma das mais utilizadas pelos bancos para amortizar o financiamento de imóveis. Clique aqui para baixar o simulador SAC para Excel.

Se você quiser aprender mais sobre investimentos e educação financeira acompanhe os artigos que escrevo semanalmente aqui no Clube dos Poupadores. Eu aviso todos os leitores inscritos quando existem novidades. Para se tornar um leitor inscrito gratuitamente basta preencher o formulário e depois confirmar sua inscrição através do e-mail que enviarei para você.

Informe o seu e-mail:

Aprenda a investir:

Livros que escrevi para ajudar você a melhorar os seus resultados financeiros:

Clique para conhecer o livro Independência Financeira
Clique para conhecer o livro Como Investir em CDB, LCI e LCA
Clique para conhecer o livro Como Investir em Títulos Públicos
Clique para conhecer o livro Como Investir na Bolsa por Análise Fundamentalista
Clique para conhecer o livro sobre Como Investir na Bolsa por Análise Técnica
Clique para conhecer o livro Como Investir em ETF
Clique para conhecer o Livro Como Investir no Exterior