Hoje vou responder uma das perguntas que mais me fizeram nos últimos 10 anos. “Por que não aprendemos tudo isso que você ensina sobre dinheiro na escola?”.

Antes de continuar você deve assistir ao vídeo acima. Vou comentar o vídeo no decorrer deste artigo.

Quando comecei a escrever o meu primeiro livro sobre imóveis em 2012 (veja a versão atualizada), eu já conhecia e praticava há mais de 10 anos a educação financeira que aprendi nos primeiros capítulos do livro “Pai Rico Pai Pobre” que adquiri no ano 2000.

Quando publiquei o meu segundo livro sobre como investir em imóveis eu tive contato com leitores de todo o Brasil e logo percebi um sério problema. As pessoas não tinham educação financeira, não poupavam, não sabiam investir e por isso sofriam para comprar um imóvel. Muitos problemas na nossa vida são consequência da nossa falta de conhecimento sobre o dinheiro.

Naquele tempo eram raras as pessoas que entendiam a importância de conquistar a própria independência financeira. Foi então que resolvi criar o Clube dos Poupadores em 2013 e escrever todos os livros que já escrevi até aqui.

A grande verdade é que não ensinam sobre dinheiro nas escolas por um motivo muitos simples:

Não interessa a ninguém que você aprenda a lidar com o seu próprio dinheiro, pois só quem lucra com isso é você. Veja:

  • As empresas precisam de pessoas que queiram trabalhar em troca de um salário fixo e de uma ficção chamada “direitos trabalhistas”.
  • Os bancos precisam de pessoas que recebem salários fixos comprovados para que possam oferecer consignados, empréstimos e financiamentos.
  • As empresas também precisam dos assalariados das outras empresas para que possam gastar tudo que ganham e tudo que vão ganhar no futuro.
  • O governo precisa de pessoas que gastam tudo que ganham e se endividam. Quanto mais você consome, mais o dinheiro muda de mãos e mais o governo recolhe impostos. É por este motivo que governos criticam os rentistas e os investidores. É por este motivo que os governos estimulam o consumismo através das compras de eletrodomésticos, veículos e imóveis. É dessa forma que eles fazem você gastar hoje aquele dinheiro que você vai receber no futuro. Esse consumo antecipado é um grande gerador de impostos. Você certamente já sabe o que os políticos fazem com os nossos impostos.

Só você ganha quando aprende sobre como o mundo do dinheiro funciona. É importante para todo o sistema que a maioria das pessoas sejam assalariadas, endividadas e pouco esclarecidas.

Empreendedores e investidores esclarecidos logo se tornam membros da classe média ou classe média alta. Já ouviu políticos criticando a classe média? Essas são pessoas menos dependentes de salários, empréstimos e da manipulação de governos e seus políticos. Gente esclarecida com dinheiro e independentes é um problema para muitos que tentam exercer o poder sobre os outros.

Você já percebeu que é o governo de cada país que define o que as crianças vão aprender na escola? Por qual motivo obrigam as crianças a decorarem tantas coisas sem utilidade prática? Estariam apenas treinando as crianças para que possam seguir ordens sem utilidade prática em troca de um salário fixo? A pouca educação financeira que as crianças estão recebendo (em algumas escolas) está relacionada com a formação de “bons pagadores de boletos e impostos”. Não se fala sobre o enriquecimento, empreendedorismo e o mundo dos investimentos.

Quero comentar alguns pontos importantes do vídeo.

O Kiyosaki é um bom contador de história. Ninguém sabe com absoluta certeza se as histórias que ele conta sobre o seu “pai rico” e “pai pobre” realmente aconteceram ou se ele criou ou melhorou essas histórias de forma didática, assim como o personagem do filme “As Aventuras de Pi” fez quando escolheu qual das duas histórias usaria para escrever o livro no final do filme.

O pai rico, que na verdade era pai do amigo de Kiyosaki, era um empreendedor e investidor. Ele não pensava como o pai biológico de Kiosaki, que era um assalariado qualificado tradicional.

Como você viu no vídeo, é como se “o sistema” acreditasse que a maioria das pessoas (que dependem de um emprego e salário) não precisassem aprender sobre dinheiro. Então, quem deve cuidar do dinheiro da maioria dessas pessoas são as empresas, bancos e o próprio governo. Já vimos como funciona: a empresa fornece o salário fixo e os “direitos”, os bancos oferecem o crédito para que você gaste o que você ainda não ganhou e o governo fica com parte do que você ganha cobrando impostos, “contribuições” da sua aposentadoria (INSS) e outras poupanças forçadas (como o FGTS).

Sobra muito pouco dinheiro (ou não sobra nada) para que você mesmo cuide. A lógica do sistema é: se o assalariado nunca consegue ficar com o próprio dinheiro, pois tudo está comprometido, ele não precisa saber sobre dinheiro.

No vídeo você verá que os empreendedores e os investidores entendem sobre o funcionamento do dinheiro e por este motivo eles começam “trabalhando de graça” e não pelo dinheiro. Se fosse apenas pelo dinheiro eles teriam procurado um emprego. Os empreendedores, assim como os investidores (que podem ser assalariados até se livrarem disso), trabalham para construir um patrimônio gerador de renda. Na prática é o dinheiro que fará o trabalho para gerar mais dinheiro. É esse dinheiro criado pelo trabalho do dinheiro que o empreendedor e o investidor buscam conquistar durante a vida.

Com esforço, dedicação e estudo, em algum momento na sua vida você conquistará o patrimônio capaz de gerar o dinheiro que você precisa.

O vídeo mostra que Kiyosaki, quando jovem, não trabalhou por dinheiro para o “Pai Rico”. Ele trabalhou em troca do conhecimento e da experiência ao atuar em diversas áreas do negócio. O patrimônio gerador de renda é conquistado com base no conhecimento sobre negócios e investimentos.

No vídeo, o Pai Rico ilustra didaticamente esse patrimônio que gera renda através das “quatro casas verdes” que vão produzir os recursos necessários (aluguéis e ganho de capital) para a conquista do “hotel vermelho” no jogo Monopoly. Os imóveis do jogo simbolizam qualquer investimento baseado em ativos que geram renda e/ou ganho de capital. Você começa com uma série de pequenos investimentos (casas verdes alugadas geradoras de renda) até conquistar investimentos maiores com o hotel com muitos quartos geradores de renda. Tudo isso é simbólico, pois hoje temos muitos tipos de ativos geradores de renda além dos imóveis.

Antigo jogo de educação financeira que é até hoje vendido (veja aqui)

Empresas, ações, fundos imobiliários, debêntures, LCI, LCA, CDB, títulos públicos também são como as casas verdes do vídeo. São ativos geradores de renda. O empreendedor e o investidor trabalham para conquistar esses ativos e não para conquistar dinheiro. Parte do que eles ganham é destinado para a compra desses ativos. Quanto mais ativos geradores de renda, mais dinheiro você terá para gastar ou reinvestir adquirindo ativos maiores e melhores que são geradores de mais renda.

É esse o grande segredo que não é ensinado nas escolas. Certamente nunca será ensinado.

Na década de 40, quando Kiosaki era um jovem aprendiz, não existiam muitas formas de se adquirir ativos que geravam renda. Você precisava empreender em um negócio real ou investir na compra ou construção de imóveis capazes de gerar renda.

Hoje existe uma infinidade de possibilidade de investimentos através de bancos e corretoras que estão relacionados com negócios reais, imóveis, crédito, títulos etc. Mesmo assim você deve se preparar muito bem para realizar investimentos financeiros. Como mostrei neste outro artigo, as instituições financeiras tiram proveito da assimetria de informações. A imprensa frequentemente distorce as informações relacionadas ao dinheiro, como mostrei neste outro artigo. A cultura está repleta de preconceitos com relação a pessoas que prosperam, como mostrem aqui.

O próprio Kiosaki se perdeu depois do lançamento do seu primeiro livro em 1997. A parte importante da obra dele se resume aos primeiros capítulos do seu primeiro livro.

Ninguém vai estudar, aprender e praticar por você.

É muito importante que você crie uma rotina de estudos sobre o mundo do dinheiro. Aqui mesmo no Clube dos Poupadores temos artigos gratuitos publicados semanalmente e temos uma série de livros importantes para que você domine diversos investimentos.

Você não gosta estudar e ler? Você precisa gostar. O seu futuro depende disso. Os vídeos curtos e divertidos sobre investimentos que encontramos nas redes sociais não oferecem o devido aprofundamento. Não se contente com o conhecimento superficial por pura comodidade.

Receba atualizações semanais sobre novos artigos publicados: Inscreva seu e-mail aqui.

Apoie o Clube dos Poupadores investindo na sua educação financeira. Clique sobre os livros para conhecer e adquirir:

Clique para conhecer o livro Independência Financeira
Clique para conhecer o livro Como Investir em CDB, LCI e LCA
Clique para conhecer o livro Como Investir na Bolsa por Análise Fundamentalista
Clique para conhecer o livro sobre Carteiras de Investimentos
Clique para conhecer o livro Como Investir em Títulos Públicos
Clique para conhecer o livro sobre Como Investir na Bolsa por Análise Técnica
Clique para conhecer o livro Como Investir em ETF
Clique para conhecer o Livro Como Investir no Exterior