Os investidores brasileiros continuam fugindo da poupança em 2022, assim como fizeram durante 2021. Toda a primeira metade de 2022 foi marcada por mais dinheiro sacado da poupança do que dinheiro depositado.

O gráfico abaixo mostra a captação líquida da poupança, ou seja, a diferença entre tudo que os brasileiros investiram e tudo que eles sacaram da poupança.

Fica bem evidente a forte captação da poupança em 2020. O medo generalizado motivou o hábito de guardar dinheiro. O trabalho em casa e as restrições ao consumo devido ao fechamento do comércio forçou muita gente a economizar dinheiro. Mesmo quem nunca teve uma reserva de emergência, percebeu a sua importância.

Com o início do ciclo de alta da Taxa Selic em março de 2021, as pessoas começaram a sacar mais dinheiro da poupança do que investir na poupança. Temos um gráfico que mostra o total de dinheiro investido na poupança.

O ano de 2022 está sendo marcado por uma fuga da poupança. Veja que em todos os meses, a diferença entre depósitos e saques é de bilhões de reais negativos, ou seja, existem mais saques que depósitos mensalmente desde janeiro.

Veja o estudo que fiz para destacar a forte alta da Selic em comparação aos ciclos de alta anteriores.

Utilizando essa ferramenta com o gráfico da meta da Taxa Selic (veja aqui), podemos observar que em apenas 18 meses a Selic aumento 6,8 vezes, saindo de 2% ao ano para 13,75%. Observando os ciclos de alta anteriores, podemos dizer que nos últimos 20 anos não ocorreu uma alta dessa magnitude. É natural que as pessoas aprendam a investir em outras modalidades de renda fixa como títulos públicos e títulos privados emitidos por bancos como CDB, LCI e LCA.

O gráfico abaixo mostra a captação líquida do Tesouro Direto e o estoque, ou seja, o valor de todos os títulos públicos que estão nas mãos dos investidores.

Veja que o interesse dos investidores pelo Tesouro Direto em 2020 não foi grande como ocorreu com a poupança, mas mesmo com juros baixos de 2% ao ano (Tesouro Selic) o interesse foi bem maior que em 2019 quando ocorreu captação negativa (mais vendas de títulos do que compra de títulos). No ciclo de alta da Taxa Selic o interesse pelos títulos do Tesouro se manteve elevado durante 2022.

O gráfico abaixo mostra o estoque de todos os CDBs, LCIs, LCAs e outros investimentos de renda fixa desde 2018, com detalhamento mensal em 2022. É fácil observar que existe cada vez mais dinheiro investido nesses títulos emitidos por bancos. Eles rendem muito mais que a poupança, principalmente com a Taxa Selci em alta (fonte).

Em 2020, quando todos estavam investindo na poupança, sugiram boas oportunidades em títulos pós-fixados emitidos por bancos que chegaram a pagar 170% do CDI com vencimento em 2 anos ou mais. Hoje existem pessoas felizes com esses títulos na carteira. Atualmente existem boas taxas para indexados ao IPCA (que pagam IPCA + juros) e os prefixados, caso o ciclo de alta dos juros esteja realmente próximo do fim. Não devemos esquecer as incertezas produzidas por um ano eleitoral e por um mundo que vive constantes rumores de guerra.

De qualquer forma, é muito importante aprender, em detalhes, o funcionamento dos investimentos de renda fixa, principalmente os títulos públicos (conheça este livro) e títulos emitidos por bancos (conheça este outro livro) para melhorar a rentabilidade dos seus investimentos mais conservadores no longo prazo em qualquer cenário da economia.

A poupança é um excelente investimento para os bancos, que captam os recursos que precisam para fazer empréstimos imobiliários. Eles pagam pouco pelo dinheiro que você deposita na poupança e cobram muito dos que compram imóveis financiados e usam esse dinheiro. Defenda os seus interesses aprendendo a investir em outras modalidades de renda fixa.

Receba atualizações semanais sobre novos artigos publicados: Inscreva seu e-mail aqui.

Apoie o Clube dos Poupadores investindo na sua educação financeira. Clique sobre os livros para conhecer e adquirir:

Clique para conhecer o livro Independência Financeira
Clique para conhecer o livro Como Investir em CDB, LCI e LCA
Clique para conhecer o livro Como Investir na Bolsa por Análise Fundamentalista
Clique para conhecer o livro sobre Carteiras de Investimentos
Clique para conhecer o livro Como Investir em Títulos Públicos
Clique para conhecer o livro sobre Como Investir na Bolsa por Análise Técnica
Clique para conhecer o livro Como Investir em ETF
Clique para conhecer o Livro Como Investir no Exterior